Presidente Rodrigo Maia receberá comissão de indígenas nesta quarta-feira

Ligado .

A iniciativa foi do deputado Edmilson Rodrigues. Ontem manifestação terminou com repressão violenta da polícia contra indígenas.

Quase quatro mil indígenas estão em Brasília nesta semana participando do Acampamento Terra Livre. Uma comissão será recebida pelo presidente da Câmara Rodrigo Maia (DEM/RJ) nesta quarta-feira (26/4) às 10 horas a pedido do deputado Edmilson Rodrigues (PSOL/PA). Os indígenas pretendem discutir com o presidente a ofensiva contra seus direitos presentes em dezenas de projetos de lei e medidas provisórias que tramitam na Câmara. Um deles se refere à PEC 215, aprovada em comissão e que pode ir para plenário. Em 2016, Maia firmou compromisso de não votá-la por não ser prioridade, no momento. Eles também reivindicam a demarcação de terras e a exoneração do Ministro da Justiça, Osmar Serraglio.

Os indígenas, nesta terça-feira, marchavam pela Esplanada do acampamento até o Congresso Nacional para protestar contra a retirada de direitos, quando foram recebidos com truculência pela polícia legislativa. Ela lançou bombas de gás e sprays de pimenta e alguns indígenas passaram mal, inclusive o cacique Raoni. Diante desta recepção violenta, o deputado Edmilson denunciou a truculência em plenário e solicitou que o presidente recebesse uma comissão dos indígenas. Maia acolheu a solicitação.

Do lado de fora, Edmilson falou aos indígenas depois de comunica-los da audiência. "Há poucos dias, a comissão (Comissão Mista da MP 758/2016) aprovou a perda de 1,8 milhão de hectares de terras da Floresta Nacional do Jamanxim e outras áreas do Pará, não bastassem as ações diretas do governo federal", lamentou. Ele criticou que mais de 200 parlamentares defendem os interesses do agronegócio na Câmara, os quais são conflitantes à manutenção das terras nas mãos de indígenas, quilombolas e áreas de conservação, entre outras terras da União, sendo comuns casos de grilagem de terras e violência contra índios, quilombolas e pequenos produtores rurais na disputa pelo acúmulo de terras. 

 "A Carta Régia do século XVII dizia que os donos das terras são os indígenas, mas, hoje, em pleno século XXI, eles querem destruir as etnias, transformar os indígenas em operário rurais (para favorecer o agronegócio)", criticou Edmilson.

Vídeo de Edmilson pedindo a audiência em plenário: https://www.youtube.com/watch?v=BdA6dliuoH4&feature=youtu.be